Olá {{nome}}
Logout
Ao vivo:
Próximo

Por Jorge Jubrail

'Nóis enverga, mas, nóis não quebra'

"A resiliência é a virtude que nos protege de quebrar porque nos torna maleáveis, porém, mais fortes para enfrentarmos as adversidades. Quando nos tornamos resilientes, evitamos conflitos desnecessários, caminhos forçados e situações indesejadas que podem nos levar ao fracasso."

Autor: Jorge Jubrail
Banco de imagens pixabay.jpg
Banco de imagens pixabay.jpg

Curvar-se? Às vezes... Desistir? Jamais! Uma das virtudes mais bonitas que podemos desenvolver é a resiliência. Quando praticamos essa virtude, evitamos conflitos desnecessários, caminhos forçados, situações indesejadas e, principalmente, combatemos nossa teimosia que, muitas vezes, confundimos com perseverança e disciplina.

É característica da pessoa resiliente, ter parcimônia e paciência. Aos sermos parcimoniosos e pacientes, nos tornamos serenos e transmitimos confiança nas palavras e nos atos. Sobre as palavras e atos, é bom lembrarmos que fazem parte da tríade que leva à perfeição: Pensamento Perfeito, Palavra Perfeita e Ação Perfeita.  

Difícil alinhar os pontos da tríade. Muitas vezes, pensamos de forma perfeita, mas, estragamos tudo ao falar ou agir diferentemente do pensamento.  Quando for inevitável agir, ainda que não estejamos alinhados na tríade, ao menos é bom dar ouvidos ao Confúcio “Aja antes de falar e, portanto, fale de acordo com os seus atos.”

Nossa vida se torna mais leve, quando nosso discurso está, ao menos, alinhado com as ações, sejam elas justas e perfeitas ou equivocadas, pois ao menos, haverá transparência de nossa parte, evitaremos a hipocrisia e, principalmente, estaremos desenvolvendo outras características que nos tornam melhores, a lealdade e a sinceridade.

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 4,7

  • Comentário via facebook
Leia também:

Por Jorge Jubrail

Por Jorge Jubrail

Por Jorge Jubrail